Skip to main content

Em um mundo onde o risco climático abala a estabilidade dos negócios, a Sustentabilidade digital agora é o caminho para a estabilidade financeira no futuro.

A necessidade de implementar soluções digitais no ramo financeiro tornou-se uma urgência incontestável. As preocupações com o risco climático ecoam em fóruns e congressos, como o recente 13º Congresso Internacional de Gestão de Riscos.

Nele o impacto sistêmico do clima sobre os negócios foi destacado como uma ameaça substancial à estabilidade financeira.

União em busca da redução do impacto ambiental

Também como ocorre em diversos outros segmentos, a questão ambiental se tornou uma prioridade. Os esforços estão só começando para frear o impacto ambiental e encontrar caminhos alternativos para evitar um colapso.

Uma empresa com certificações de sustentabilidade, hoje já consegue aproveitar de uma série de vantagens competitivas em seus próprios mercados, como o aumento do reconhecimento da marca, da captação de recursos e até mesmo de novos clientes.

Também provando do movimento contrário, empresas que não se adequarem às boas práticas sustentáveis, podem sofrer com barreiras e redução de mercado, como citado no podcast Febraban News.

Perseguir a sustentabilidade não é mais uma virtude ideológica no mundo dos negócios, como também vetor de crescimento e competitividade.

Digitalizar para desmaterializar

A desmaterialização é um dos primeiros passos a se dar nesse caminho.

A digitalização tem um enorme potencial para contribuir na proteção dos ecossistemas, na redução de emissões de gases do efeito estufa e no combate às mudanças climáticas, além de reduzir a necessidade de espaços físicos no ambiente profissional. Adicionalmente, a digitalização de documentos é reconhecida como uma ação sustentável crucial para as empresas.

Dado que metade dos resíduos corporativos é papel e cada folha de papel A4 requer cerca de 10 litros de água em sua produção, ressaltando aqui a necessidade urgente de adaptação do mercado. Comprovando a Sustentabilidade digital como o melhor caminho para a estabilidade financeira no futuro.

sustentabilidade-digital-digitalização-de-documentos

O barulho das transações digitais

Estudos, incluindo o publicado pela Universidade de Cambridge em 2019, Bitcoin Electricity Consumption Index (CBECI), sustentavam o discurso de um grande impacto ambiental provocado pelo setor.

O processo de mineração dos ativos acontece por meio de computadores de alta potência, que demandariam um alto consumo energético. Ora, uma atualização dos estudos demonstra que a utilização de energia pela tecnologia blockchain representa apenas 0,38% da capacidade de produção global de eletricidade.

Valendo ressaltar também que o mercado vem se empenhando nos últimos anos. Inúmeros projetos e iniciativas surgem tendo a preocupação ambiental como foco e com um promissor avanço no uso de energias limpas e renováveis na mineração dos ativos. Se em 2019 tais fontes representavam cerca de 7,25%, hoje elas já alimentam 11% das produções.

Inovação e responsabilidade ambiental

Em suma, a sustentabilidade no setor financeiro é, não só uma opção, como uma inevitabilidade. O futuro reside na harmonia entre inovação e responsabilidade ambiental.

Assim sendo, a CertDox e a digitalização de processos emergem como catalisadores dessa transformação, capacitando empresas a alcançarem não apenas eficiência, como também uma sustentabilidade que ressoa em cada transação.

Ressaltando a urgência desse movimento, indicando que a revolução do setor financeiro está intrinsecamente ligada à adoção de soluções digitais sustentáveis.

Nós estamos prontos para apresentar as diversas soluções para mitigar riscos e garantir a continuidade dos negócios. Saiba mais em nosso site.